Descubra como se tornar uma autoridade na advocacia

4 passos para construir a sua autoridade na advocacia

Comentar
Recomendar
Uma das missões da Aurum, sem dúvidas, é gerar conteúdo de qualidade, que ajude o advogado moderno a se diferenciar no mercado jurídico.

Pensando nisso, eu quis trazer aqui para o blog uma temática essencial para os operadores do direito que já abriram a visão para o lado empreendedor no nosso ofício: a necessidade de construir autoridade na advocacia, ou seja, ser visto como uma referência no mercado.

Toda vez que o assunto é empreendedorismo jurídico, o tema da autoridade na advocacia reina na discussão. Mas a grande verdade é que poucos profissionais compreendem a dimensão desse conjunto de práticas e o real impacto que podem causar no seu marketing pessoal, quando construídas de forma inteligente e cirúrgica.

E sobre esse tema, eu posso dizer que falo com propriedade. Desde que comecei a colocar em prática as dicas que vou deixar aqui para vocês, a minha advocacia se transformou.

Mas antes de mais nada, vale a pena provocar algumas reflexões para entendermos o conceito de autoridade.

O que é autoridade na advocacia?

Para começar, vamos definir o que é autoridade na advocacia. De forma resumida, autoridade é sinônimo de poder. Ou seja, implica diretamente no poder de alguém de decidir ou de fazer obedecer. Dessa forma, ter autoridade reflete na capacidade de influenciar pessoas por prestígio ou por ações que a tornam referência em algo.

Mas afinal de contas, o que isso representa na advocacia? Na nossa profissão, a autoridade é a imagem que o seu potencial cliente tem de você enquanto profissional competente para solucionar o problema dele.

Em outras palavras, quem tem autoridade na advocacia tem o poder de atrair, com frequência, clientes dispostos a pagar honorários dignos para ter os seus problemas nas mãos de alguém que eles acreditam ser de fato capaz de resolvê-los com eficiência e inovação.

Não há dúvidas de que investir tempo e dinheiro na construção da sua autoridade na advocacia implica diretamente na criação de novas oportunidades, no aumento da captação de clientes e na consolidação do seu nome no mercado.

Quer ficar expert em aquisição de clientes? Se inscreva no portal O Futuro da Advocacia! São várias trilhas temáticas com emails, vídeos e artigos gratuitos! 😉

Conhecer O Futuro da Advocacia

Por isso, hoje eu compilei quatro passos essenciais para construir a sua autoridade na advocacia. Olha só:

Como construir autoridade na advocacia

1. Defina uma segmentação

Se você quer realmente se tornar uma autoridade em uma área da advocacia, esqueça a ideia do full service. Não há como se diferenciar sem foco. Por isso, o primeiro passo para chegar ao patamar de autoridade na advocacia é definir a sua segmentação. E aqui existem dois caminhos: a advocacia de nicho de mercado e a advocacia por área de atuação.

Na advocacia de nicho o advogado foca em determinado público e se dedica a se tornar um expert para resolver todo tipo de demanda que possa surgir no segmento escolhido, ainda que isso envolva diferentes áreas de atuação.

Esse é o caminho que eu adotei. Nosso escritório, por exemplo, tem o foco de atuação no segmento pessoas com deficiência.

Dentro do nicho que nós definimos, temos desenvolvido diariamente a nossa autoridade para resolver as mais diversas demandas judiciais e administrativas, envolvendo o nosso público-alvo.

Já na advocacia por área de atuação, o advogado deve se dedicar a se tornar especialista em determinado ramo do direito, de modo que isso o diferencie do advogado genérico na hora da escolha e preferência do cliente.

Lembrando que não é possível ser autoridade em nada sem ser especialista em determinado assunto. Por isso, invista tempo e dinheiro em educação, especialize-se na sua segmentação.

Seja qual for o caminho escolhido, pelo nicho de mercado ou pela área de atuação, este é, sem dúvidas, o alicerce para construção da autoridade na advocacia.

2. Produza conteúdo de qualidade

Saber utilizar ferramentas de marketing jurídico dentro dos limites estabelecidos pelo Código de Ética da OAB é crucial para a construção e manutenção da sua autoridade na advocacia.

É aí que se destaca a produção de conteúdo informativo, nosso segundo passo. Essa é a principal oportunidade que nós temos dentro dos parâmetros estabelecidos pela OAB quando o assunto é marketing. Mas atenção, autoridade é quem produz e não quem copia! Use e abuse das suas mídias sociais e blogs para divulgar conteúdos jurídicos originais voltados para a sua segmentação.

E se você quer se tornar uma autoridade na advocacia, precisa estabelecer como meta ter uma presença virtual relevante e de qualidade. Não adianta ter milhões de seguidores sem ter os seguidores certos, ou seja, seus potenciais clientes.

Além disso, quanto mais publicações juridicamente úteis você criar para o seu público, maiores as chances de ter seu conteúdo citado, compartilhado e reconhecido dentro da segmentação que você definiu. Então a dica é produzir conteúdo informativo de forma constante, clara e de fácil entendimento para que o seu público compreenda que você domina a solução que ele precisa.

3. Invista em networking qualificado

Procure estabelecer boas relações e criar parcerias dentro da sua segmentação. Desenvolva relacionamentos com profissionais que estejam em um patamar de autoridade acima do seu e aprenda com eles.

Participe de eventos para advogados relacionados à sua segmentação e não tenha medo de fazer contatos e se apresentar como profissional especializado e interessado no assunto.

O networking bem feito, nos lugares certos e com as profissionais de diferentes áreas, mas que atuam no mesmo segmento que você, abre portas para futuras indicações. Além disso, esses contatos aumentam o número de pessoas relevantes no mercado que podem atestar a sua competência e a qualidade do seu trabalho.

4. Divulgue seus resultados

O quarto passo para a construção de autoridade na advocacia é a publicação dos seus resultados. Sejam bons ou ruins, eles são parâmetros decisivos para a consolidação de uma autoridade em qualquer assunto.

Os seus futuros clientes precisam saber do que você é capaz. Então, por que não produzir conteúdos sobre os resultados que você já obteve na sua advocacia?

Peça feedback dos seus clientes no seu site, página ou redes sociais e apresente seus resultados para seus contatos mais próximos e para a sua rede qualificada de networking. Dê publicidade aos seus feitos e valorize cada vitória. Isso vai consolidar a sua imagem ao longo do tempo e gerar confiança do seu trabalho no mercado.

Persevere

Espero que esses quatro passos te ajudem na saga em busca da excelência profissional. E não se desespere caso os resultados não venham imediatamente ou então você ache que eles são impossíveis. Ninguém se torna uma autoridade na advocacia do dia para a noite, mas também não precisa de décadas de experiência para atingir esse patamar.

O status de autoridade na advocacia é consequência da combinação de foco, dedicação, muito estudo e uso inteligente das diversas ferramentas de empreendedorismo jurídico que temos à nossa disposição. Até a próxima!

_

E você, como constrói a sua autoridade na advocacia? Compartilhe as suas práticas com a gente nos comentários! Outras críticas e sugestão também são bem-vindas. 🙂

22.000 Advogados

Já controlam seus processos e prazos com o software jurídico Astrea

Experimente grátis
Comentar
Recomendar
Vamos continuar a conversa?

 

    Nenhum comentário
    Você está aqui