7 benefícios de participar de um hackathon jurídico

7 benefícios de participar de um hackathon jurídico

Comentar
Recomendar
A palavra hackathon tem origem na mistura entre as expressões “hack”, ou seja, programação e “marathon”, de maratona. Esse tipo de evento une empreendedores apaixonados por tecnologia para, através de uma maratona de programação, solucionarem uma “dor” do mercado, de uma empresa específica ou de uma área do conhecimento.

No texto de hoje, vou explicar o que são o que são essas competições e como um hackathon jurídico pode melhorar a rotina do advogado.

Como funciona um hackathon?

Um hackathon pode durar horas, dias ou semanas e visa o desenvolvimento de soluções que impactem a empresa ou sociedade. Durante o evento, são formadas equipes interdisciplinares, que contam com programadores, designers e pessoas de negócios, desafiadas a solucionarem um problema.

Essas competições têm sido usadas por grandes organizações como Google, Facebook e Globo para estimular a criatividade de seus colaboradores, desenvolver soluções inovadoras que resolverão os problemas internos da empresa ou então para o desenvolvimento de novos negócios.

Na maratona, as ideias são avaliadas a partir do modelo de negócio e outros critérios definidos pelos organizadores. Grande parte das maratonas premiam as equipes vencedoras com benefícios como: viagens para o Vale do Silício, dinheiro, celulares, notebooks, treinamentos e outros bens.

Além disso, muitos investidores e headhunters estão presentes nesses eventos para possivelmente aportar recursos nas ideias ou selecionar os membros para trabalharem em postos de trabalho de empresas. Inclusive, companhias como Adobe e Microsoft já adquiriram soluções desenvolvidas em hackathons.

Os hackathons podem ser realizados por qualquer pessoa ou organização. Podem, também, possuir temas específicos como saúde, agricultura, varejo e até direito!

O que é um hackathon jurídico?

De modo geral, um hackathon jurídico é uma dessas competições de programação voltada para descobrir novas soluções que facilitem a vida de advogados, magistrados e contribuam para o andamento da justiça em nosso país.

No campo do direito esse tipo desafio ainda é pouco realizado, mas a demanda cresce constantemente. Nos últimos anos, tanto tribunais quanto escritórios de advocacia e lawtechs têm organizado seus próprios hackathons jurídicos, como o Global Legal Hackathon e o Lawtech Floripa Hackathon.

Quais são os benefícios de participar de um hackathon jurídico?

1. Trabalho em equipe

Uma das habilidades essenciais para um advogado empreendedor é a capacidade de realizar trabalhos em equipe. Por isso, o hackathon jurídico pode ser uma ótima oportunidade de crescimento, já que trabalho em equipe durante a maratona é primordial. Na equipe, existem pessoas de diversas especialidades e unir o potencial de cada um dos membros pode ser o diferencial para conquistar os primeiros lugares na competição e, quem sabe, transformar aquele time em parcerias de negócio.

2. Networking

Em um hackathon jurídico estão presentes muitas pessoas de diferentes áreas e organizações, além de investidores. Conhecer essas pessoas de backgrounds distintos pode ser importante para você durante e após o evento. Seja para conseguir recursos, capacitações e treinamentos ou mesmo para uma possível contratação.

Se você for participar de um hackathon, faça contatos, conheça as habilidades dos profissionais a sua volta e, mais importante, interaja. Isso pode ser uma peça importante para o seu dia de amanhã. Afinal, o networking é essencial para qualquer profissional.

3. Inovação

O foco dos hackathons é a inovação, ou seja, transformar problemas em soluções factíveis, independentemente da sua origem. A prova disso é que, em 2014, o governo britânico criou, através de um hackathon, ferramentas digitais focadas na melhoria da qualidade de vida de pessoas com deficiência e de seus cuidadores.

Além disso, essa forma de evento pode ser uma opção interessante para a interação entre poder público e privado. É possível trazer como desafio uma grave dificuldade da cidade, estado ou país a ser melhorada, como o transporte urbano, a segurança e a saúde pública.

4. Imersão tecnológica

O hackathon jurídico é uma oportunidade de imergir no ambiente tecnológico aplicando metodologias de inovação, trabalho em equipe e interdisciplinaridade. Uma opção para conhecer um pouco mais sobre o desenvolvimento compartilhado de projetos e vivenciar o ambiente de pesquisa e inovação.

Se você não é ambientado, vai ter que se adaptar à enxurrada de novos conceitos como: propostas de valor, segmentação de clientes, canvas, modelo de negócios, precificação, entre outras terminologias. Será uma oportunidade para, além de desenvolver uma solução interessante, também acumular conhecimento e desenvolvimento pessoal.

5. Oportunidade de negócio

Você estará imerso por horas, dias ou até semanas numa problemática sugerida pela organização do evento ou pela própria equipe. Disso, pode surgir uma solução incrível e, com muita dedicação e força de vontade da equipe, até mesmo um negócio.

6. A panela de pressão

O hackathon pode ser um treino importante para você, que tem dificuldade de lidar com situações de pressão. Durante o evento, são estabelecidos alguns prazos e tarefas. Além disso, a sua equipe apresentará um pitch (breve apresentação do modelo de negócios da sua solução), cercada de muita gente competente e uma banca de peso composta por investidores, diretores de empresa e grandes experts em inovação.

Saber lidar com o tempo, sono, imprevistos e desafios são outros aprendizados que você vai levar para a vida. Já está ansioso com os benefícios que o hackathon jurídico pode lhe proporcionar?

7. Seleção de emprego

Algumas organizações têm utilizado as maratonas de programação como meio para seleção de futuros colaboradores ou então para progressão de carreira. Isso porque esses eventos simulam as principais funções e exigências de uma grande organização, como liderança, comunicação, transparência, divisão de tarefas, clareza, direcionamento, foco, trabalho em equipe e capacidade de aprendizado.

Conclusão

O modelo de hackathon pode ser uma excelente opção para o setor privado e público para estimular a inovação e desenvolver problemas internos de empresa ou da sociedade como um todo. O modelo também poderá ser uma excelente metodologia para aquisição, retenção e progressão de carreira dos seus colaboradores.

O hackathon jurídico tem inúmeros benefícios para você e sua empresa. Que tal participar ou promover um hackathon na sua organização?

Para encerrar, deixo o convite para o Lawtech Floripa Hackathon 2018, um hackathon jurídico que acontecerá no Sebrae Santa Catarina, promovido pela Comunidade Empreendedora SC, nos dias 6, 7 e 8 de Julho de 2018. Inscrições e informações estão disponíveis aqui

_

E você, já participou de um hackathon jurídico? Conte para a gente a sua experiência nos comentários! Além disso, se você tem interesse em eventos para advogados cheios de tecnologia, inovação e networking, conheça o Aurum Summit:

Quero saber mais sobre o Aurum Summit

22.000 Advogados

Já controlam seus processos e prazos com o software jurídico Astrea

Experimente grátis
Comentar
Recomendar
Vamos continuar a conversa?

 

    Nenhum comentário
    Você está aqui