Descubra como cobrar clientes inadimplentes

Como cobrar clientes inadimplentes e evitar perder dinheiro

Comentar
Recomendar

Como cobrar clientes inadimplentes é uma dúvida recorrente entre advogados e profissionais autônomos em geral. Afinal, como solicitar o pagamento sem constranger quem está do outro lado?

Dependendo da abordagem, seu escritório pode acabar perdendo um parceiro importante, que poderia apenas estar passando por um momento difícil e, por isso, deixou de honrar com suas obrigações. Existe ainda uma situação ainda mais grave, que é a realização de cobrança de forma ilegal.

Não deve ser surpresa para você que o Código de Defesa do Consumidor veda a utilização de determinados canais de comunicação e qualquer tipo de constrangimento na hora de contatar o devedor, certo? Condutas como ligações fora de horário razoável ou qualquer cobrança realizada de forma pública, por exemplo, podem motivar processos por danos morais.

Saiba como cobrar clientes inadimplentes e evitar a inadimplência

Para ajudar você e o seu escritório a não perder dinheiro e clientes, além de evitar problemas com a justiça, preparamos um conteúdo completo sobre como cobrar clientes inadimplentes. Continue a leitura para conhecer dicas valiosas sobre o assunto!

Elabore contratos de prestação de serviço adequados

A primeira dica é mais focada em prevenção do que propriamente em como cobrar clientes inadimplentes. Mas nós garantimos que traz informações fundamentais para “organizar a casa” e evitar problemas futuros.

Em qualquer tipo de relação comercial, o contrato de prestação de serviço deve ser muito bem elaborado. Isso porque esse instrumento traz todas as obrigações tanto do contratante quanto do contratado.

E na hora de fazer essas especificações, é muito importante alinhar com seus clientes qual deve ser a programação de desembolso de seus honorários advocatícios. É interessante sempre acordar o recebimento antecipado de parte do valor total do serviço. Assim, se torna mais seguro custear as despesas iniciais e garantir pelo menos parte da receita prevista.

Na hora de descrever as obrigações de parte a parte, não se esqueça de incluir todos os detalhes possíveis que dizem respeito as atividades que você ou o seu escritório vai desempenhar. Essa medida contribui para que o cliente compreenda melhor pelo que exatamente está pagando. Uma medida simples como essa pode evitar divergências no momento de faturamento. 😉

Bom,como observamos no início deste tópico, essas precauções não configuram garantia de inadimplência, mas são exclentes estratégias para você se cercar de cuidados e prezar pela saúde financeira do seu negócio jurídico.

Entenda como gerenciar as expectativas de seus clientes

Outra questão que merece a atenção de quem está à frente da gestão de um escritório de advocacia, é a necessidade de administrar as expectativas dos clientes. Quem nunca precisou lidar com clientes que apresentam uma demanda e tomam como certo o ganho de causa na justiça?

Em circunstâncias como essa, quando a expectativa não se confirma, a frustração é certa. Cabe ao advogado, desde a primeira conversa com o contratante, ser o mais transparente possível e apresentar quais são as reais chances de sucesso do trabalho a ser desenvolvido.

Vale ressaltar que ter uma certa previsibilidade com base em jurisprudência e experiência profissional não significa prometer causa ganha ao cliente. Esse comportamento, na verdade, pode ser bastante arriscado. A sugestão aqui é buscar franqueza e clareza na comunicação. Na prática, isso significa falar objetivamente, baseando-se em elementos da realidade, o que pode ou não vir a ocorrer.

Essa é mais uma atitude que pode evitar qualquer tipo de distrato e, consequentemente, a tão temida inadimplência na advocacia. Afinal, se o contratante está ciente de quais são os possíveis cenários, não há margem para futuros questionamentos, certo? 🙂

Software Juridico Astrea
Sinta a tranquilidade de uma rotina organizada e produtiva sem comprometer o orçamento conhecer o plano light

Organize o setor financeiro de seu escritório

Essa é a dica de ouro para quem deseja parar de se perguntar como cobrar clientes inadimplentes e evitar essa situação de uma vez por todas.

Muitos advogados reclamam do fato de não saber como cobrar clientes inadimplentes – você se considera parte desse grupo? Ao mesmo tempo, quando se questiona sobre a gestão financeira do escritório, não demora muito para que surja a necessidade de um bom planejamento estratégico e uma boa organização para colocar as contas em ordem.

É importante se lembrar que a atividade de cobrança em seu escritório deve vir acompanhada de uma boa gestão financeira. Questões como fluxo de caixa, pagamento de tributos e planejamento orçamentário devem ser monitoradas de perto.

Ao cuidar desses aspectos, você consegue dimensionar melhor qual o impacto da inadimplência para o seu escritório e começar efetivamente a proceder com as cobranças.

Quer ficar expert nesse assunto? Se inscreva no portal O Futuro da Advocacia! São várias trilhas temáticas com emails, vídeos e artigos gratuitos! 😉

Conhecer O Futuro da Advocacia

Saiba como cobrar clientes inadimplentes

Como falamos no início deste artigo, há alguns tipos de abordagens que são consideradas mais efetivas do que outras para se realizar cobranças.

Diante dessa afirmativa, surge a necessidade de dar a devida importância à recuperação de ativos. Isso porque a maioria das empresas, jurídicas ou não, negligencia essa atividade, realizando as cobranças sem a constância necessária para obter resultados.

Além disso, para ter sucesso nessa missão, é necessário trabalhar de forma estratégica. Por isso sugerimos que, se possível, você invista algum tempo para avaliar quais são as principais pendências junto aos devedores e comece a negociar o quanto antes!

De forma educada e respeitosa, você ou sua equipe podem contatar os clientes em débito e oferecer condições especiais para o pagamento da dívida. Essa tática certamente vai aumentar as chances de recebimento do valor devido.

Tenha sempre em mente que é preferível receber a prazo a nunca receber. 😉

Nos casos em que não houver acordo, vale a pena notificar o devedor extrajudicialmente. Como você deve saber, o protesto do título de dívida implica em negativação do nome do devedor nos órgãos de proteção de crédito. Essa informação pode ser usada como uma motivação a mais para o cliente saldar o débito.

Muitos escritórios não adotam esse tipo de procedimento por acreditar ser um desgaste desnecessário. No entanto, as empresas que recorrem ao protesto de dívida costumam obter bons resultados na recuperação de devedores.

Considere recorrer a serviços de recuperação de ativos

Existem situações em que descobrir como cobrar clientes inadimplentes é caso de urgência. Uma delas é quando a inadimplência chega a níveis alarmantes, colocando em grave risco a saúde financeira do escritório.

Nesse caso, você pode ainda recorrer a terceirização das cobranças. Essa é uma solução muito eficaz para organizações que pensam em melhorar seus resultados na recuperação de ativos ou não contam com um quadro de pessoal próprio para realizar as cobranças.

E o melhor dessa alternativa é que algumas empresas desse segmento estabelecem seus ganhos apenas sobre os valores efetivamente recebidos com as cobranças. O que, na prática, significa que você simplesmente repassa uma atribuição a uma empresa especializada em cobrança, com funcionários capacitados para contatar seus clientes e negociar, sem nenhum custo inicial para o seu escritório. Além de reduzir a carga de trabalho, ainda resguarda a reputação do seu escritório. 😉

Para quem ainda não sabe como cobrar clientes inadimplentes, essa pode ser a melhor solução em vista. Acreditamos que o custo-benefício dessa ação é o melhor possível.

Conclusão

Após ler este conteúdo sobre como cobrar clientes inadimplentes e não perder dinheiro, acreditamos que você tenha tudo o que precisa para iniciar a reorganização da gestão financeira de seu escritório. Para potencializar seus ganhos, não deixe de colocar em prática as dicas que trouxemos para você!

O que você achou do artigo de hoje? Tem mais alguma dica para compartilhar com nossos leitores? Conte um pouco de sua experiência com a cobrança de inadimplentes comentando aqui embaixo! 🙂

Estabeleça
uma rotina organizada e produtiva de verdade!

O melhor software jurídico do mercado, agora gratuito.

Conheça o plano Light
Comentar
Recomendar
Vamos continuar a conversa?

    Nenhum comentário
    Você está aqui